LightBlog

Hildegard Angel: Uma reprise de 1968, na Cinelândia de Edson Luís; veja fotos e imagens de protestos contra assassinato de Marielle

Da Redação, com Mídia Ninja e tuiteiros
Milhares de pessoas sairam às ruas nesta quinta-feira para denunciar o assassinato brutal da vereadora Marielle Franco e de Anderson Gomes, ontem, no Rio de Janeiro. As imagens explicam tudo.
Pensaram que eliminaram uma mulher negra. Erraram o tiro. De fato deram vida a uma Mártir! E essa Mártir recém-nascida retirou do torpor a multidão de brasileiros indignados, que hoje foi às ruas, repetindo na mesma Cinelândia o Edson Luís de 1968. Hildegard Angel, no twitter
Quem matou Marielle? Estive esta noite na Cinelândia junto a mais de 50 mil pessoas. E essa pergunta não calava. Os 9 tiros que atingiram Marielle e Anderson não foram balas perdidas. Tinham alvo. O alvo foi uma das lideranças políticas mais combativas e promissoras do Rio. Guilherme Boulos, no twitter
Tem sido um dia triste pra mim. Quando vi a barbaridade que fizeram com a Marielle pensei: é preciso ser muito ignorante pra achar que matar uma vereadora, mãe de 38 anos, poderia calar aqueles que lutam contra os fascistas. Hoje as ideias da Marielle tomaram o Brasil inteiro. Ex-presidente Lula, no twitter
Cinelândia! Não vão conseguir transformar Marielle em medo! Marielle é coragem! Marielle e Anderson presentes! Glauber Rocha, deputado federal do Psol, no twitter
Brasileiros se juntam para velar a vereadora e ativista dos direitos humanos Marielle Franco, uma crítica da brutalidade policial, que foi assassinada estilo-execução. Da France Presse, para seus leitores no mundo, via twitter
ONU espera investigação rigorosa do assassinato da vereadora @mariellefranco #Marielle era uma das principais vozes em defesa dos #DireitosHumanos no #RiodeJaneiro, lutando contra o racismo, as desigualdades de gênero e a violência nas favelas. ONU Brasil, no twitter

Share on Google Plus

About leiasempre

Leia Sempre

0 comentários:

Postar um comentário