LightBlog

Meirelles nega que será vice em chapa com Alckmin. “Nossa candidatura é a presidente”, diz


O ex-ministro da Fazenda e pré-candidato à Presidência pelo MDB, Henrique Meirelles, negou nesta terça-feira, 15, qualquer possibilidade de vir a ser vice em uma chapa com o tucano Geraldo Alckmin, pré-candidato do PSDB ao Palácio do Planalto.
“Nossa candidatura é a presidente. O MDB é o partido que está no Governo, que tem conquistado resultados excepcionais. Não há razão pela qual não possa apresentar um candidato próprio, disputar e ganhar uma eleição. Não há razão para aceitar uma vice estando já no Governo e tendo já realizado tudo que realizou nesses dois anos”, afirmou.
Meirelles voltou a insistir que, apesar dos baixos índices em pesquisas eleitorais – o ex-ministro alcança no máximo 1% das intenções de voto em pesquisa do Instituto Datafolha divulgada em meados de abril –, tem potencial para crescer, o que ajudará a convencer seus correligionários da viabilidade de sua candidatura.
“À medida que mostro os resultados das pesquisas, eles adquirem muita confiança. A preferência é ter candidato próprio desde que tenha potencial”, disse.
Presidente do MDB, o senador Romero Jucá (RR) reforçou que o partido tem dois pré-candidatos – além de Meirelles, o próprio presidente Michel Temer – mas que uma decisão só será tomada em junho, depois do partido observar o desempenho de ambos, e não há garantia de que o MDB terá um candidato.
“Vamos tomar uma decisão coletiva. Se um pré-candidato prejudicar o partido não será candidato, porque terá que ser aprovado em uma convenção”, disse ao ser questionado sobre a resistência de parte dos diretórios em encampar uma candidatura própria, em especial a de Temer, que tem uma elevada rejeição nas pesquisas.
 - no site ceará Agora
Share on Google Plus

About leiasempre

Leia Sempre

0 comentários:

Postar um comentário