LightBlog

DEPUTADO CARLOS MATOS ENVIA NOTA DE REPÚDIO AO STF PELA REJEIÇÃO DE MATÉRIA QUE DESCRIMINALIZA O ABORTO


O deputado estadual Carlos Matos enviou nota de repúdio à presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Carmém Lúcia, contra a aprovação da Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) nº. 442, que questiona a recepção parcial de dispositivos do Código Penal Brasileiro de 1940 e descriminaliza o aborto até a décima segunda semana de gestação. 

O objetivo da nota é subsidiar todos os Ministros do Supremo Tribunal Federal em relação ao tema, com destaque para a Ministra Rosa Weber, relatora da matéria. Para Carlos Matos, defender a vida é uma obrigação. “A vida é o bem mais importante, a maior dádiva que podemos ter. Não podemos permitir que essa tragédia aconteça no Brasil”, afirma. 

Além da nota de repúdio, o parlamentar coletou mais de 11.640 assinaturas de cearenses que também lutam pela vida e são contra a ADPF nº. 442. “O direito à vida está em jogo e não podemos nos calar. A sociedade precisa se unir em defesa desse direito, mostrar que não concorda com a proposta, que não abre mão. Legalizar o homicídio através do aborto é mais que um retrocesso, é desumano”.


Share on Google Plus

About leiasempre

Leia Sempre

0 comentários:

Postar um comentário