FESTA DO PAU DA BANDEIRA VIRA FILME


Depois de ser reconhecida como patrimônio imaterial brasileiro pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), a Festa do Pau da Bandeira de Santo Antônio de Barbalha vai virar roteiro de filme. O longa-metragem Pequenos Guerreiros, que já está em processo de gravação, vai falar da tradição e da história dos festejos a Santo Antônio. A direção é de Bárbara Cariry.

O filme é destinado ao público infanto-juvenil. A história é de uma família composta pelo pai, a mãe e três filhos, que moram no litoral cearense, em Beberibe, e viajam de jipe até Barbalha para pagar uma promessa feita pelo pai, que é pescador. O pagamento é carregar o Pau da Bandeira. O filme gira em torno das crianças, que com a mudança de cidade irão explorar um universo diferente do cotidiano.
Bárbara Cariry, diretora e roteirista do filme, relata que já estão há um mês gravando na Região do Cariri. Ela conta que já conhecia a região porque vinha passar férias com os parentes. “Por isso escolhi o Cariri, pela aproximação que eu tenho. E não só por isso. O Cariri é um dos berços da cultura popular tradicional e nordestina. Filmamos em outros lugares, mas aqui, a cultura popular e brasileira tem muita força e eu queria que isso estivesse no filme”, afirma.
Filha de Rosemberg Cariry, cineasta, e da atriz e produtora Teta Maia, a diretora herdou o gosto pela sétima arte. “Esse é o meu primeiro longa-metragem e estou muito feliz em retornar ao Cariri e principalmente pelo apoio das pessoas na cidade de Barbalha: prefeitura, Demutran, o capitão do Pau da Bandeira, pessoas que compreendem a importância da cultura para a região”, completa Bárbara.
O último dia de gravação será no domingo (02), durante o cortejo do Pau da Bandeira, que vai mostrar toda a trajetória desde a saída da “cama do Pau” e o trabalho dos carregadores até o hasteamento. O elenco principal é formado pela atriz cearense Georgina Castro, que interpreta a mãe; o ator pernambucano Bruno Goya, o pescador que carregará o Pau da Bandeira. Ele fez um trabalho na série “Onde nascem os fortes, da Rede Globo, interpretando Orestes, segurança do personagem do ator Alexandre Nero. E por fim, as crianças Lara Gonçalves, Juan Calado e Daniel Almeida, interpretando os três filhos.
O capitão do Pau da Bandeira, Rildo Teles, explica que a equipe já é conhecida por já ter produzido diversos documentários sobre a Festa de Santo Antônio. A visita da equipe para conhecimento de campo foi feita no início do mês de maio, segundo o capitão. O protagonista fará o papel de um carregador do pau.
Rildo afirma que há um esquema de segurança montado e que todos os carregadores já receberam as orientações necessárias, além de passar mais detalhes dos procedimentos para o ator. Os carregadores do Pau serão figurantes. “Já conversamos com os carregadores, o próprio ator também conversou. Explicamos a dinâmica, como funciona. Terão carregadores que ficarão mais próximos dele, mas o diálogo já foi todo encaminhado. Ele não fará o carregamento de fato, apenas pequenas gravações serão feitas para ilustrar as cenas do filme”, diz o capitão do pau.
Ele reforça que o filme é de extrema importância para a história da festa e para a população barbalhense. “Acho isso interessante porque é mais uma  janela que a gente entra e pode mostrar para o mundo essa festa. É importante para os carregadores, para o povo de Barbalha e para a religiosidade”, finaliza Rildo.
FICHA TÉCNICA
Elenco:
Georgina Castro (Mãe);
Bruno Goya (Pai);
Lara Gonçalves, Juan Calado e Daniel Almeida (Crianças)
Equipe técnica:
Direção e roteiro: Bárbara Cariry
Fotografia: Petrus Cariry
Som: Yures Viana
Direção de produção: Teta Maia
Direção de arte: Sergio Silveira
Maquiagem: Claudia Riston
Figurino: Carol Azevedo


(no site Badalo)
Share on Google Plus

About leiasempre

Leia Sempre

0 comentários:

Postar um comentário