Juazeiro do Norte tem alta de 7,4% nas exportações de calçados

O município de Juazeiro do Norte registrou um crescimento de 7,4% na exportação de calçados no primeiro bimestre de 2019 em relação ao mesmo período do ano anterior. No total, a terra do Padre Cícero, que é um dos principais produtores deste tipo de peças no país, vendeu US$ 98,9 mil. Os dados são de estudo realizado pelo Centro Internacional de Negócios da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC).
Os calçados são os únicos produtos da pauta exportadora de Juazeiro do Norte e a Argentina foi o único país que importou os produtos juazeireses. Por isso, se comparada às importações, o número de vendas internacionais ainda é pequeno. Neste período, foram importados US$ 631 mil, tornando o município o 16º no ranking estadual. Com isso, o saldo comercial do bimestre registrou um déficit de US$ 532,8 mil.
Porém, as importações registradas no período tiveram uma queda de 8,9% em relação aos dois primeiros meses do ano passado. Os principais produtos importados foram papéis e cartões. Desses produtos, o município adquiriu US$ 351,6 mil do exterior, volume 85,5% maior que o do primeiro bimestre de 2018.
Aparelhos para impressão aparecem no segundo lugar no ranking dos produtos mais importados, com US$ 76,69 mil ao todo. Entre os parceiros comerciais de Juazeiro do Norte, destaca-se a China, que vendeu para a cidade US$ 280 mil no período. Espanha e Paraguai vêm em seguida, ambos com mais de US$ 170 mil e crescimentos de 42% e 172,1%, respectivamente. DN
Share on Google Plus

About Noticias

Leia Sempre

0 comentários:

Postar um comentário