Em Missão Velha, prefeito Diego dá xeque-mate na oposição



A reviravolta no caso do processo contra o prefeito de Missão Velha, Diego Feitosa (MDB), acabou se confirmando; a base petista deve fechar com o gestor contra a denúncia de remanejamento de verbas sem autorização da Câmara. A base petista, composta por três parlamentares, já revelou a posição do partido em arquivar a denúncia investigada por uma Comissão Processante.

O estranho é que a posição petista veio antes do parecer da comissão; ou seja, sem conhecer o conteúdo da denúncia que eles votaram pela aceitação. Méritos para o prefeito Diego Feitosa, que soube articular no degrau de cima. Colheu uma decisão empurrada garganta a baixo. Ficou a lição.

Agora, resta esperar pela votação em plenário do relatório da comissão que vem com dois, dos três votos pelo arquivamento. Foi o famoso xeque-mate.
Última tentativa
O nó tático do prefeito Diego Feitosa contra a oposição, com a virada de mesa do PT, parece ter acendido a luz amarela no grupo dos ex-prefeitos e irmãos, Gidalberto (PDT) e Tardiny Pinheiro (PT). E a preocupação chegou no patriarca da família, o ex-vereador Seu Rodrigues. Ele prepara uma conversa definitiva com os filhos; quer a união a qualquer custo.

Seu Rodrigues não admite perder mais uma vez para o grupo do ex-prefeito Washington Fachine. Apesar da pressão, Gidalberto e Tardiny ainda não mudaram de ideia. E pior, Gidalberto não descarta ser o vice na chapa de Dr. Lorin; e o silêncio de Tardiny, sobre a virada petista, levanta especulações sobre uma aliança com Diego.

Estariam os dois dispostos ser vices em chapas contrárias? Diante da possibilidade, Seu Rodrigues ameaça lançar sua candidatura a prefeito. Isso que é família dividida!

# Por Madson Vagner
Em Missão Velha, prefeito Diego dá xeque-mate na oposição Em Missão Velha, prefeito Diego dá xeque-mate na oposição Reviewed by leiasempre on 06:34:00 Rating: 5

Nenhum comentário