Cinco mil trabalhadores de bares e restaurantes são demitidos no Ceará devido ao coronavírus, diz Abrasel

A crise causada pelo avanço do coronavírus no Ceará resultou na demissão de pelo menos cinco mil trabalhadores do setor de bares e restaurantes no Ceará, segundo o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará (Abrasel-CE), Rodolphe Trindade.

Na quinta-feira (19), o Governo do Estado publicou um decreto proibindo o funcionamento de estabelecimentos comerciais como bares e restaurantes, o que agravou a situação dos estabelecimentos associados à Abrasel.

O Ceará tem 68 pessoas já infectadas com o  Covid-19, doença causada pelo coronavírus e que é facilmente transmitida entre as pessoas. Por conta do risco, autoridades recomendam que as pessoas fiquem em casa. Em todo o Brasil, são mais de 900 casos da doença e 11 mortes.

"Pode ter muita gente demitida. Em Pernambuco, mais de seis mil demissões. No Ceará, não estamos muito longe, entre cinco e seis mil demissões no nosso setor em dois ou três dias. É muito grave a situação econômica e isso reflete em tudo", diz Trindade
Cinco mil trabalhadores de bares e restaurantes são demitidos no Ceará devido ao coronavírus, diz Abrasel Cinco mil trabalhadores de bares e restaurantes são demitidos no Ceará devido ao coronavírus, diz Abrasel Reviewed by leiasempre on 11:15:00 Rating: 5

Nenhum comentário